MA: Situação da pandemia do Covid-19 mostra estabilidade no Maranhão

De acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde, são cerca de 19 mil casos ativos (que ainda estão com a doença) e cerca de 65 mil recuperados.

“Se fôssemos definir em uma palavra a situação do coronavírus, seria o termo estabilidade. É a situação que temos no momento, ou seja, nem temos neste instante uma tendência de agravamento em níveis expressivos e tampouco temos uma tendência de rapidamente nos livrarmos do problema”, afirmou o governador Flávio Dino. 

Além dos casos ativos x recuperados, outros fatores estão sendo levados em conta nessa análise. Entre eles, os dados sobre internação e a consulta feita pelo Governo do Maranhão aos prefeitos. 

Registros

De acordo com o governador, porém, é possível que haja aumento no número de casos nas próximas três semanas devido a, principalmente, três fatores. 

O primeiro é a previsão de aumento de testes em todo o Maranhão. O segundo é o aumento de casos em outros Estados, o que impacta todo o país, já que existe circulação de pessoas e de cargas. O terceiro é a reabertura gradual das atividades comerciais, que cumpre um importante papel econômico e social, mas também aumenta a circulação de pessoas. 

Flávio Dino acresceu que, neste instante, o que define o rumo da batalha contra o coronavírus são dois aspectos principais: as medidas assistenciais e as sanitárias. 

“Hoje temos uma oferta segura de leitos”, disse. Em todas as regiões, há leitos livres de UTI e enfermaria para coronavírus nos hospitais da rede estadual.

Em relação ao cumprimento das medidas sanitárias, o governador chamou atenção para a importância da colaboração de todos: “As regras sanitárias competem ao governo editar, mas o zelo compete a todos nós”

O Maranhão chega ao fim desta semana com a situação do coronavírus em estabilidade. Os casos ativos continuam caindo, e o número de pessoas recuperadas segue em alta. 

De acordo com o boletim da Secretaria de Estado da Saúde, são cerca de 19 mil casos ativos (que ainda estão com a doença) e cerca de 65 mil recuperados.

“Se fôssemos definir em uma palavra a situação do coronavírus, seria o termo estabilidade. É a situação que temos no momento, ou seja, nem temos neste instante uma tendência de agravamento em níveis expressivos e tampouco temos uma tendência de rapidamente nos livrarmos do problema”, afirmou o governador Flávio Dino. 

Além dos casos ativos x recuperados, outros fatores estão sendo levados em conta nessa análise. Entre eles, os dados sobre internação e a consulta feita pelo Governo do aos prefeitos. 

Registros

De acordo com o governador, porém, é possível que haja aumento no número de casos nas próximas três semanas devido a, principalmente, três fatores. 

O primeiro é a previsão de aumento de testes em todo o Maranhão. O segundo é o aumento de casos em outros Estados, o que impacta todo o país, já que existe circulação de pessoas e de cargas. O terceiro é a reabertura gradual das atividades comerciais, que cumpre um importante papel econômico e social, mas também aumenta a circulação de pessoas. 

Flávio Dino acresceu que, neste instante, o que define o rumo da batalha contra o coronavírus são dois aspectos principais: as medidas assistenciais e as sanitárias. 

“Hoje temos uma oferta segura de leitos”, disse. Em todas as regiões, há leitos livres de UTI e enfermaria para coronavírus nos hospitais da rede estadual.

Em relação ao cumprimento das medidas sanitárias, o governador chamou atenção para a importância da colaboração de todos: “As regras sanitárias competem ao governo editar, mas o zelo compete a todos nós”

ma.gov

Tagged: , , , , ,

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.