11.6 C
London
Sunday, May 22, 2022
InícioBrasilEleições 2020: Propaganda eleitoral gratuita começa a ser veiculada em rádio e...

Eleições 2020: Propaganda eleitoral gratuita começa a ser veiculada em rádio e TV

Date:

Histórias relacionadas

Verifique as tendências da bolsa de valores para o 2º semestre

Verifique as tendências da bolsa de valores para o...

Vendas do Tesouro Direto tornam a superar resgates após cinco meses

Vendas do Tesouro Direto tornam a superar resgates após...

Vendas do comércio aumentam 6,1% no fim de semana da Black Friday

Vendas do comércio aumentam 6,1% no fim de semana...

Vendas de Carros têm Redução de 31% em julho

Vendas de Carros têm Redução de 31% em julho ...

Veja quais serviços do Detran-MT que podem ser feitos de forma on-line

Veja quais serviços do Detran-MT que podem ser feitos...

Na rádio, as primeiras inserções já foram ao ar entre as 7h e 7h10

A gratuita em rádio e televisão dos candidatos que concorrem nas eleições municipais deste ano começou nesta sexta-feira (9) e segue até 12 de novembro.

As inserções em bloco, que desde 2016 são exclusivas para candidatos a prefeito, ocorrem de segunda-feira a sábado. Na rádio, as primeiras inserções já foram ao ar entre as 7h e 7h10, e novas inserções ocorrem entre 12h e 12h10. Na televisão, os programas serão veiculados entre 13h e 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Além dos blocos, as emissoras são obrigadas a reservar 70 minutos diários para a inserções de 30 a 60 segundos ao longo da programação, sempre entre as 5h e as 0h. Desse tempo, 42 minutos são para propaganda de candidatos a prefeito e 28 minutos para candidatos a vereador.

Do total de tempo da em rádio e TV, 90% é dividido entre os candidatos de modo proporcional à representatividade de seus partidos na Câmara dos Deputados. Apenas 10% é dividido igualmente entre os candidatos.

Pelas normas do Tribunal Superior Eleitoral, os candidatos e partidos são obrigados a colocar nas propagandas legenda oculta, janela com intérprete de Libras e audiodescrição, entre outros recursos.

São vedadas peças que possam degradar ou ridicularizar candidatos. Caberá à Justiça Eleitoral julgar os casos de violação a essa regra. Caso condenado, o candidato pode perder tempo de propaganda eleitoral gratuita. Também não é permitida nenhuma propaganda paga em rádio e TV.

Original de Agência Brasil


Tagged: , , , ,

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.



 


 




Se inscrever

- Nunca perca uma história com notificações

- Obtenha acesso total ao nosso conteúdo premium

- Navegue gratuitamente em até 5 dispositivos ao mesmo tempo

Histórias mais recentes